カポエイラの歌

カポエイラCDO東京 > 歌・動画・資料 > カポエイラの歌 > [カポエイラCD] Grupo Cordão De Ouro 4

カポエイラCD「Mestre Suassuna Vol.4」

  1. MOÇA CHORANDO
    Track 01

    Lá em cima da janela
    da janela do sobrado
    Tinha uma moça chorando
    Chorando pra se acabar
    Por causa do Cordão de Ouro
    Ai meu bem, que o ladrão tinha roubado
    Mas não chore dona moça
    Que o ladrão já tá sendo procurado
    Quem pegar este ladrão
    Oi, ai, ai! Será bem recompensado
    Dou um berimbau maneiro
    Ai, Ai, Ai! Dou um gunga ritmado
    Oi Chiquinho ê e ê! Oi Chiquinho a a a!
    Oi a menina de ouro mandou me chamar
    Oi Chiquinho ê ê ê! Oi Chiquinho a a a!
    Oi na volta que o mundo deu
    E na volta que o mundo dá
    Oi Chiquinho ê ê ê! Oi Chiquinho a a a!
    Oi a menina de ouro mandou me chamar
    Oi Chiquinho ê ê ê! Oi Chiquinho a a a!

  2. MACACO NA LEVADA
    Track 02

    Eee Dedo du munheca e dedo
    Dedo de munheca e mao
    Um macaco na levada
    Dois leao passou-lhe a mao
    Mariposa nao me prenda
    Ai ai ai Dentro do seu coracao.
    EE EEE decia batalla de comunjere
    mais Joga bonito que eu quero aprendeu

  3. PEIXE ESCRIVAO
    Track 03

    Se o mar fosse de tinta
    As ondas papel pautado
    O peixe fosse escrivao
    Daquele mais diplomado
    Nao teria anotado
    A capoeira que eu tenho jogado
    EE EEE decia batalla de comunjere
    mais Joga bonito que eu quero aprendeu

  4. LUANDA E
    Track 04

    Luanda EEE meu Boi
    Luanda EEE bara
    O lha no cas na Bahia
    No boi de mais si pasa
    Na roda da Capoeira
    No Tem Le Le Lei La La
    O la lai lai la
    O le le
    Ay Ay Ay Ay Ay
    O le le

  5. CORDAO DE OURO
    Track 05

    quem naum conhece o grupo cordao de ouro ,
    venha para roda que voce vai conhece ,
    cordao de ouro tem mandinga tem molejo,
    joga ligeiro e e bonito de se ver…(x2)

    cordao de ouro naum da soco nem agarra ,
    mas tem armada ,cabecada e tem role ,
    quando ele joga o sorriso ta no rosto ,
    e no gingado a malicia do saber….

    cordao de ouro ta no sangue ta na alma ,
    a capoeira que mestre suassuna ensinou,
    cordao de ouro joga com o coracao ,
    tem espressao e capoeira de valor…..

  6. ITABUNA
    Track 06

    Mas eu sou da Bahia
    Sou lá de Itabuna
    Terra do mestre Magrelo, Luíz Medicina
    E também Suassuna, Mas eu sou da Bahia
    Mas eu sou da Bahia
    Sou lá de Itabuna
    Terra do mestre Magrelo, Luíz Medicina
    E também Suassuna
    Mas eu sou da Bahia
    Sou lá de Itabuna
    Terra do cacau
    Lá se planta biriba de dia
    E de noite na roda
    Já tem berimbau
    E a roda para ficar legal
    O som é bonito e o forte coral
    Batam palmas e venham ver
    É Luíz Medicina espaço cultural, Mas eu sou da Bahia
    Mas eu sou da Bahia
    Sou lá de Itabuna
    Terra do mestre Magrelo, Luíz Medicina
    E também Suassuna
    Se você dúvida de mim
    Está feito o convite pra ir confirmar
    Você vai ficar encantado
    Com a capoeira que rola por lá
    Lá tem o Badogue, o Carlinhos
    Tem o Pão de Milho e o Lampião
    O Ninja, Artur, Risadinha
    São tão camaradas, parecem irmãos
    Minha família é muito unida
    Tem o Carioca e o Arrepiado
    Pra fechar Tem o mestre Magrelo
    Que lá em Itabuna
    É o mais respeitado, Mas eu sou da Bahia

    Mas eu sou da Bahia
    Sou lá de Itabuna
    Terra do mestre Magrelo, Luíz Medicina
    E também Suassuna

  7. SIRI DE MANGUE
    Track 07

    Ié!
    Olha lá siri de mangue
    Olha lá siri de mangue
    Ai Me Finca no tempo não é um
    Ia ca maré de março, Ai Ai Ai
    É maré de gaiamum
    Entre grandes e pequeno
    Hoje não me escapa um
    Siri tá se vendo doido o meu bem
    Na presa do gaiamum,
    camaradinha…

  8. TORPEDEIRO ENCOURACADO
    Track 08

    Ie
    Torpedeiro Encouracado
    Torpedo encouracado
    Torpedeiro encouracado
    Torpedeiro encouracado
    Ai meu bem, novidade na Bahia
    Marinheiro absoluto
    Chegou pintando arrilia
    Prederam Pedro Mineiro
    Ai meu bem, dentro da secretaria
    Para dar depoimento
    Ai ai ai daquilo que nao sabia
    Conaram minha mulher
    Que eu era um grande vadio
    Semana que nao trabalho
    Sustento mulher e filho
    Delegado me intimo
    Ai meu bem, dentro da secretaria
    Para eu dar depoimento
    Daquilo que eu nao sabia
    camaradinho

  9. PISADA DE LAMPIAO
    Track 09

    E, E, E, Tum Tum Tum
    Olha a pisada de Lampião
    E, E, E, Tum Tum Tum
    Eou vou me embora de esta terra
    E, E, E, Tum Tum Tum
    Lampião deseu a serra
    E, E, E, Tum Tum Tum
    Amanha e dia santo
    E, E, E, Tum Tum Tum
    Cantaba mulha gente

  10. LIGEIRO IGUAL CORISCO
    Track 10

    Ie
    Sou ligeiro igual corisco
    Sou ligeiro igual corsico
    Ai ai ai tenho forca igual leao
    Ja dormi na mata virgem
    Ai ai ai no meio da escuridao
    Quando jogo treme terra
    Ate arrebenta ribeirao
    Faco moinho rodar sem agua
    Ai ai ai Monjolo tocar sem mao
    Faco panela ferver

    Ai meu bem! Na palma da minha mao
    Nao acredito em misterio
    Ai ai ai Abuso, supersticao
    So creio no que vejo
    E pego com a minha mao
    Camaradinha

  11. CASA DO FETICEIRO
    Track 11

    Ie
    Fui na casa do feiticeiro
    Fui na casa do feiticeiro
    Aprender feiticaria
    Pra pegar o sapo-boi
    Pra fazer judiaria
    Bota ele na agua quente
    Da quente bota na fria
    Tira o couro do sapo
    Ai ai ai Pra fazer mandingaria
    Camardinho

  12. MINHA COMADRE
    Track 12

    Eu não vou na sua casa
    minha comadre
    Prá você não ir na minha
    Olha minha comadre
    Você tem a lingua grande
    minha comadre
    Prá falar da minha vizinha
    minha comadre
    Até você
    minha comadre
    Falo de mim
    minha comadre
    Eu não falei
    minha comadre
    Falou que eu vi
    minha comadre
    Falo falo
    minha comadre
    Falo que vi
    minha comadre
    Eu não vou na sua casa
    minha comadre
    Prá você não ir na minha
    Olha minha comadre
    Você tem a boca grande
    minha comadre
    Prá comer minha galinha
    minha comadre
    Até você
    minha comadre
    Falo de mim
    minha comadre
    Eu não falei
    minha comadre
    Falou que eu vi
    minha comadre
    Falo
    minha comadre
    Falo que vi
    minha comadre

  13. Gavião Chegou

    Tava na Roda da Capoeira
    Quando de repente gavián chegou
    Choo Choo Gavião, Choo Choo Gavião
    Choo Choo Gavião, Choo Choo Gavião

  14. Dono da casa

    Ô Sinhô, dono da casa, nós viemo aqui lhe vê,
    Viemo lhe perguntá, como passa vosmicê
    Ô Sinhô, dono da casa, nós viemo aqui lhe vê,
    Viemo lhe perguntá, como passa vosmicê

    E como é seu nome?
    É maculelê
    E de onde veio?
    É maculelê
    Lá de Santo Amaro
    É maculelê

  15. Eu sou um menino
    Eu sou um menino Minha mãe soube me educar Quem anda em terras alheias Pisa no chão devagar

    Côro: Eu sou um menino Minha mãe soube me educar Quem anda em terras alheias Pisa no chão devagar…

  16. Eu vim pela mata, eu vinha
    Eu vim pela mata, eu vinha Eu vim pela mata escura Eu vim, seu maculele No clarear, no clarear da lua
  17. E na hora ê
    Mas e na hora ê, e na hora á
    E na hora ê, sou de Angola

    Côro: E na hora ê, e na hora á
    E na hora ê, sou de Angola

    Mas e na hora ê, e na hora á
    E na hora ê, dá licença pra passar

    Côro: E na hora ê, e na hora á
    E na hora ê, sou de Angola…

  18. Tê tê tê, olha tê tê â
    Tê tê tê, olha tê tê â
    Tê tê tê, bom Jesus de Maria

    Côro: Tê tê tê, olha tê tê â
    Tê tê tê, bom Jesus de Maria…

  19. Eu vi a luta, eu tava lá
    Eu vi a luta, eu tava lá
    Eu vi a luta, eu tava lá
    Dois guerreiros se pegando Dentro do canavial

    Côro: Eu vi a luta, eu tava lá
    Eu vi a luta, eu tava lá
    Dois guerreiros se pegando Dentro do canavial…

  20. Lutava Maculelê na terra do Mangangá
    Um gritava para o outro

    Tumba ê, caboclo

    Côro: Tumba lá e cá

    Tumba ê, guerreiro

    Côro: Tumba lá e cá

    Tumba ê, Popó

    Côro: Tumba lá e cá

    Não me deixe só

    Côro: Tumba lá e cá…

  21. Certo dia na cabana um guerriero
    Certo dia na cabana um guerriero
    Um certo dia na cabana um guerriero
    Foi atacado per uma tribo pra valer
    Pegou dois pais, saiu de salto mortal
    E gritou pula menino que eu sou Maculelê

    Côro: Certo dia na cabana um guerriero
    Um certo dia na cabana um guerriero
    Foi atacado per uma tribo pra valer
    Pegou dois pais, saiu de salto mortal
    E gritou pula menino que eu sou Maculelê

    E pula lá, que eu pulo cá

    Côro: Que eu sou Maculelê

    E pula lá, que eu quero ver

    Côro: Que eu sou Maculelê

    E pula eu, pula você

    Côro: Que eu sou Maculelê

    E pula cá, que eu quero ver

    Côro: Que eu sou Maculelê

  22. Eu dei um corte de facão na samambaia
    Eu dei um corte de facão Na samambaia
    Maculelê, que é bom Também não falha

    Côro: Eu dei um corte de facão Na samambaia
    Maculelê, que é bom Também não falha…

  23. Todo mundo chorolé
    Quando eu for-me emborolé

    Côro: Todo mundo chorolé…

Suassuna CD 「Grupo Coradao De Ouro 4」

 

Comments are closed.